Clique para copiar https://computerworld.com.br/2019/09/24/amazon-promete-neutralizar-sua-emissao-de-carbono-ate-2040/

A Amazon anunciou planos para neutralizar sua emissão de monóxido de carbono até 2040. Entre as ações para bater tal meta está a aquisição de 100 mil vans elétricas para entrega de seus produtos. A gigante do varejo online entrega cerca de 10 bilhões de itens por ano.

Segundo informações da Reuters, as vans elétricas devem ser produzidas pela Rivian Automotive LLC, startup da qual a Amazon é investidora.

O corte da emissão de gases poluentes é uma meta desafiadora para a empresa. Além de uma operação global de entrega, a Amazon possui sua divisão de data center que exige quantidades massivas de energia.

“Sabemos que podemos fazê-lo e sabemos que precisamos fazê-lo”, disse o CEO da Amazon, Jeff Bezos em uma conferência em Washington. Bezos confirmou que a Amazon irá cumprir o acordo de Paris 10 anos antes a data estipulada e irá usar 100% de energia renovável até 2030. Atualmente, a companhia utiliza 40% de energias renováveis para manter sua operação. Vale lembrar que o presidente dos Donald Trump retirou o país do acordo climático de Paris em 2017.

De acordo com a organização não governamental americana Ceres, a Amazon é a primeira a fazer uma promessa de neutralização de emissão de carbono até 2040.

“O que a Amazon anunciou hoje é inovador e potencialmente revolucionário. Isso certamente terá efeitos colaterais porque a Amazon está muito entrelaçada com toda a economia”, explica Sue Reid, vice-presidente de clima e energia da Ceres, à Reuters.

Além da promessa de redução de emissão de carbono com o uso de vans elétricas, a empresa deve também investir US$ 100 milhões na restauração de florestas e áreas úmidas, explicou Bezos.

 

 

Leave a comment